Qual é o conceito de empreendedorismo no Brasil

Qual é o conceito de empreendedorismo no Brasil

Recentemente, muito se tem discutido sobre o empreendedorismo dentro do Brasil e do mundo. No nosso país, o crescimento e diversificação da atividade empresarial devem-se em grande parte à crise econômica, mas também às oportunidades emergentes. Nesse contexto, os negócios digitais se destacam.

Segundo os Cursos Online de empreendedorismo, ele tem o poder de impulsionar o desenvolvimento econômico de um país. Só no Brasil, números do governo federal apontam que cerca de 600 mil empresas surgem a cada ano. Em 2022, estima-se que haja mais de 1,5 milhão de microempresas em todo o país.

Neste artigo, faremos uma análise fundamentalista simples do estado do empreendedorismo no Brasil, esporte que começou a despontar na economia nacional na década de 1990. Fique ligado e saiba mais sobre as startups no Brasil e como se desenvolveu.

 

O que é empreendedorismo?

Podemos definir que o empreendedorismo é a vontade de identificar os problemas e as oportunidades e dedicar aos recursos e as habilidades para criar um negócio, projeto ou até um movimento que possa aproveitar as devidas mudanças e ter um impacto positivo. Se queremos ser muito objetivos, é isso! Porém, para nós, vai mais longe. Claro, muito além de algumas linhas de definição.

Empresários e empreendedores questionam sempre sobre a realidade e fazem com que revoluções aconteçam todos os dias no Brasil e no mundo.

O empreendedorismo facilita um tremendo crescimento ao inovar e resolver problemas para outros, outras empresas ou a sociedade como um todo.

Os modelos de mulheres empreendedoras são uma fonte de inspiração para diversos profissionais que desejam entrar dentro do ramo. Quanto maior o sonho, sempre será maior a disposição em enfrentar os obstáculos dentro do empreendedorismo. Assim, o empreendedorismo pode espreitar ou se manifestar de diferentes maneiras.

 

O empreendedorismo nas pessoas

Diversas pessoas têm uma forte alma empreendedora e o exercem em diferentes lugares e em diferentes situações. Em casa, quando elas decidem fazer reformas para otimizar o espaço. Dentro da empresa em que trabalham ou dentro de um projeto no objetivo de avançar.

Outros aplicam todo esse potencial a novos negócios, independentemente da escala, eles ajudam a criar empregos para as comunidades, gerar renda para as economias locais e atender às necessidades por meio da inovação.

Além disso, existem algumas pessoas que tornaram este negócio ainda maior. Os empreendedores de alto impacto transformaram grandes sonhos em iniciativas de grande impacto para revolucionar os seus mercados, crescer e impulsioná-los, em vez de tomar atalhos e dar o exemplo para as gerações futuras.

 

O empreendedorismo no Brasil e a crise

É natural que algumas  pessoas tenham medo de investir em tempos de incerteza econômica, como o que estamos passando agora. Porém, dentro da contramão dessa lógica, as crises econômicas podem apresentar grandes oportunidades para os empreendedores.

Pense que as empresas, especialmente as startups de tecnologia, geralmente apresentam soluções para os problemas. Os problemas são os mais comuns em tempos de crise, por isso diversas empresas que oferecem soluções em tempos de crise ainda podem ajudar a virar o país.

As crises muitas vezes afetam setores mais tradicionais da economia, eventualmente levando a um aumento acentuado do desemprego. Por outro lado, as inseguranças resultantes podem eventualmente levar as pessoas a migrar, buscar soluções cada vez mais criativas com o objetivo de superar as dificuldades e, assim, abrir-se a novos comportamentos e soluções alternativas. Isso é algo totalmente excelente dentro do sentido de abrir espaço no objetivo de empreendedores que apresentam soluções não tão tradicionais. O bom de ser empreendedor em tempos de crise é que, além de ajudar dentro da geração de empregos, o empreendedorismo tem o objetivo de estimular o comportamento criativo.

Com uma comunidade forte, os empreendedores ficam cada vez mais motivados a acreditar em novas soluções. Para o Brasil, isso é especialmente excelente, pois isso vai ajudar a desmistificar os tabus que ainda existem em torno do risco empresarial.

Então jamais tenha medo. Se você é um empreendedor, tenha sempre em mente ter ideias inovadoras e que apresentam algum tipo de solução que você acredita que beneficiará a sociedade.

 

Empreendedorismo no Brasil em 2021

A taxa de desemprego no Brasil é impressionante, dados do IBGE divulgados em maio mostraram que a taxa de desemprego no Brasil subiu para 12,7% no primeiro trimestre, com um total de 13,4 milhões de brasileiros desempregados. Portanto, o desemprego e a crise econômica no Brasil são dois dos primeiros pontos dentro do aumento do empreendedorismo no Brasil, principalmente por necessidade.

Por isso, abrir o próprio negócio não é apenas um sonho, e sim a única saída para muitos brasileiros que enfrentam o desemprego.

Como mencionamos anteriormente, a grande maioria dos empreendedores brasileiros são registrados como MEIs. Para obter este registo, basta registar-se online muito rapidamente. Portanto, ao pagar uma pequena mensalidade, você também se tornará uma pessoa jurídica com CNPJ. No entanto, é importante notar que o sistema MEI possui limitações quanto ao número de funcionários e renda anual.

Se você deseja entrar no ramo do empreendedorismo e tem o objetivo de melhorar a sua qualificação, indicamos que você faça  Cursos Online sobre empreendedorismo.

Educação